Foto: Eduardo Almeida/Sedurb

Na manhã desta quarta-feira, 3, a Secretária de Estado do Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Lúcia Falcón recebeu os representantes da Cooperativa de Transportes Alternativos de Sergipe (Coopertalse) e a Comissão de Transportes da Assembleia Legislativa de Sergipe, representada pelos Deputados Garibalde Mendonça e Jeferson Andrade, a fim de discutir sobre as reivindicações dos cooperados da Coopertalse.
A secretária disse que a Sedurb, enquanto responsável pelo Transporte Público Intermunicipal, por meio da Diretoria de Transportes (Ditransp), sempre esteve aberta para ouvir os cooperados, bem como suas reivindicações. “O governador Marcelo Déda nos deu autonomia para ouvir os cooperados, discutir e apresentar soluções para a melhoria do transporte público municipal, e através do Conselho Estadual de Transportes (CET) sempre mantivemos em sintonia, discutindo e planejando alternativas salutares”, declarou.
O presidente da Coopertalse e membro efetivo do CET, senhor Valdenes Ferreira apresentou algumas reivindicações dos cooperados. “Reconhecemos o esforço do Governo do Estado em investimentos na área, mas é primordial que ele analise diversas questões que têm nos prejudicado, entre elas a ausência de fiscalização do transporte clandestino em contraposição das perseguições sofridas por alguns fiscais da Sedurb, o reajuste tarifário para as linhas suburbanas e do interior no município de Itabaiana. Não obstante as operadoras pediram ao conselho a melhoria da estrutura dos terminais rodoviários, o crescente número de reclamações sobre tarifa de embarque cobrada pela Socicam e o tratamento igualitário entre as operadoras”, explicou.
A secretária ouviu as reivindicações e ressaltou algumas atuações já desenvolvidas nesse sentido. “Desde que tomamos posse em maio de 2012 intensificamos as ações voltadas ao transporte público intermunicipal. Através do CET fizemos a concessão no aumento na capacidade de assentos dos veículos de 28 para 32, elaboramos estudos para o aumento da tarifa e encaminhamos a Proposta de Lei sobre isenção do IPVA”, destacou.
Lúcia Falcón disse ainda que já foi feita uma estruturação do serviço de Transporte Intermunicipal de Passageiros. “Realizamos uma primeira reunião dos fiscais no dia 3 de julho de 2012 com o intuito de ouvir suas reivindicações, dois meses depois apresentamos o Plano de Melhorias para os fiscais com algumas ações imediatas, elaboramos um Projeto de Lei que dispõe sobre o Plano de Carreira da Fiscalização e concurso para fiscais, bem como estamos em negociação com uma universidade para viabilizar curso de qualificação profissional para os fiscais”, detalhou.
“Também visitamos os terminais rodoviários Luiz Garcia e José Rollemberg Leite, realizamos o diagnóstico da rede de Terminais Rodoviários do Estado, cujo objetivo principal consiste na Elaboração dos projetos de reforma e construção dos Terminais Rodoviários do Estado. Ou seja, propor melhorias para os fiscais sempre esteve em nossa linha de pautas primordiais”, afirmou.

Apoio Parlamentar 

Aproveitando a presença dos representantes da Comissão de Transporte Público da Assembleia Legislativa, os deputados estaduais Garibalde Mendonça e Jeferson Andrade, a secretária pediu ajuda parlamentar. “Algumas decisões só poderão ser tomadas de maneira legal com a ajuda da Assembléia Legislativa, por isso eu peço aos senhores que nos conceda o amparo legal e celeridade em algumas questões de caráter emergencial. É importante ressaltar que o processo licitatório está suspenso judicialmente e sem a licitação, algumas decisões não poderão ser tomadas”, enfatizou.
Os deputados se comprometeram em ajudar no que for necessário e estão de prontidão para atender a Sedurb quando solicitados, uma vez que é de interesse daquela casa parlamentar propor melhorias para a população sergipana.
Por fim, foi apresentada pela Coopertalse a proposta de 30% no aumento das tarifas intermunicipais. A secretária propôs uma contra-proposta de escalonamento percentual para análise dos cooperados, tendo sido aceita por todos os presentes, ficando agendada para a próxima segunda-feira, 8, uma reunião final para decidir sobre o reajuste tarifário.
“Ainda assim, decidido o reajuste tarifário, teremos que submeter ao Conselho Estadual de Transporte para apreciação e aprovação para assim, vigorar”, finalizou Lúcia Falcón.

Por Ascom/Sedurb

0 Comentários