Foto: Edinah Mary/Seides
Com a meta de firmar uma parceria junto ao Departamento Estadual de Trânsito em Sergipe (Detran/SE) para cursos de capacitação de beneficiários do Programa Mão Amiga, representantes da Secretaria de Estado da Inclusão, Assistência e do Desenvolvimento Social (Seides) e dos órgãos se reuniram nesta segunda-feira, 25, na sede da secretaria.
O objetivo é envolver cerca de 120 trabalhadores rurais no processo de mecanização da colheita da cana de açúcar. Para isso, o Programa Mão Amiga incluirá capacitações para condução de tratores e outros veículos de tração necessários nesse processo. Entre outras vantagens, a mecanização vai ajudar a extinguir as queimadas, método utilizado para preparar o solo para o plantio.
A secretária da Inclusão Social, Eliane Aquino, indicou que, inicialmente, o novo viés de capacitação do Mão Amiga criará alternativas de trabalho para cortadores de cana em quatro municípios: Laranjeiras, Japaratuba, Japoatã e São Francisco.
“A ideia inicial é fazer a parceria com o Detran e dar novas oportunidades para esses trabalhadores. Nosso primeiro objetivo é habilitar 30 trabalhadores em cada município e, de acordo com a demanda, a gente pode aumentar esse número”, disse.
A diretora do Departamento de Renda e Cidadania (DRC) da Seides, Heleonora Cerqueira, apresentou o funcionamento das etapas seletivas para os cursos de direção, que serão divididas em duas frentes de trabalho: uma envolvendo trabalhadores já habilitados na categoria B (veículos comuns), e outra focada naqueles que ainda não possuem carteira de habilitação.
O presidente do Detran/SE, Bosco Costa, avaliou o projeto em pauta como inovador e se comprometeu a participar de sua execução. “O Governo e a secretaria estão no caminho certo. É um projeto louvável e de visão, com muitos desafios”, concluiu.
Também estiveram presentes na reunião a secretária adjunta da Inclusão Social, Maria Luci Silva; técnicos e assessores da Seides e do Detran.

Por Ascom/Seides

0 Comentários