Preocupado com as síndromes gripais nos grupos de riscos, o pré-candidato Haroldo Tavares, chama atenção para importância da vacinação em tempos de pandemia da COVID-19. Além de destacar que a Campanha de Vacinação contra a gripe encerra dia 30 de junho. 

"A gente sabe que a vacinação da gripe não combate o coronavírus, mas ajuda os profissionais de saúde a excluir o diagnóstico da COVID-19, já que os sintomas da doença são bem parecidos com a gripe comum”, pontua.

O pré-candidato Haroldo Tavares, comenta que a comunidade maruinense precisa acompanhar as etapas de vacinação da gripe Influenza para não ficar sem tomar a vacina. “A minha preocupação é com as pessoas que se encaixam nos grupos de riscos, a exemplo dos idosos, crianças, gestantes e demais grupos. Devemos combater as doenças que comprometem nossa saúde. Se tem vacina disponível é por que muita gente deixou de se vacinar e isso é preocupante", alerta. 

Com a aproximação do período de chuvas, aumentam os casos de gripe nos postos de saúde e no hospital do município. Além disso, Haroldo Tavares explica que existe um gasto significativo do Ministério da Saúde com a compra das vacinas, então as famílias devem se conscientizar. Afinal, à aquisição das vacinas é uma prioridade para área da saúde. “Quando a pessoa deixa de ir ao posto de saúde tomar à vacina, o estoque não acaba e isso pode gerar ônus para o poder público, até por que são investimentos que chegam atingir em todo país bilhões de reais. Não só compromete o dinheiro público, mas também diminui a prevenção e o controle das doenças e que pode chegar até num surto atingindo diversos casos no município", ressalta. 

O pré-candidato justifica que as crianças fazem parte do grupo vulneráveis e os pais precisam estar em alerta para seguir o cronograma de vacinação emitido no Cartão de Vacinação. " Os responsáveis dessas crianças têm que acompanhar o cartão de vacinação com todo cuidado. Tem muitos pais que esquecem de vacinar seus filhos e a criança acaba não tomando as vacinas no seu tempo. A grande maioria deixa o cartão de vacinação atrasado prejudicando a saúde do seu pequeno", finaliza.

Balanço da Campanha em Maruim

De acordo com os dados divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde de Maruim, durante a Campanha de Vacinação mais de 80% do público-alvo foram imunizados contra a Influenza H1N1 e já foram aplicadas mais de 300 doses da vacina, sendo que os idosos receberam à vacinação em casa e os demais grupos nos postos de saúde. 

A campanha continua atendendo todo público-alvo até o fim deste mês para minimizar os impactos nos serviços de saúde.

Fonte: Assessoria de Imprensa

0 Comentários