Últimas Notícias
recent

Doze nomes podem disputar o cargo de prefeito de Maruim

A pouco mais de um ano do processo eleitoral, que vai revelar o novo prefeito do município de Maruim para o quadriênio 2021-2024, doze nomes surgem na disputa. Listam entre os pré-candidatos, o atual vice-prefeito, ex-prefeitos, vereadores, secretários municipais e outras lideranças que exerceram cargos públicos no município do Vale do Cotinguiba.
De acordo com a apuração, da atual legislatura, surgem os nomes dos vereadores Ermerson Porto (PSC), Arlinda Vieira (MDB), Sérgio Vieira (PDT) e da presidente da Câmara, Maria Angélica de Jesus (PSD).

O vereador Sérgio Vieira, que é da bancada da oposição não confirmou oficialmente a sua pré-candidatura, porém em uma “live” na rede social afirmou que não será candidato a reeleição e vem buscando apoio junto ao deputado federal Fábio Henrique (PDT) e a deputada estadual Kitty Lima (Rede). “Sou candidato a continuar fazendo um mandato transparente e com os pés no chão. Confesso que não tratarei de previsão política a 17 meses das eleições. Tratarei política no ano eleitoral”, garantiu o vereador Sérgio Vieira, que também integra a mesa diretora da Câmara de Vereadores. Sérgio está em seu primeiro mandato de vereador e foi candidato a prefeito de Maruim no processo eleitoral de 2000.

A vereadora Arlinda Vieira, filha do ex-prefeito João Vieira (In Memoriam) é prima do atual prefeito de Maruim, Jeferson Santana. Filiada ao MDB, a vereadora afirmou que é pré-candidata, mas vai decidir a questão partidária no próximo ano. Na última eleição para escolha de deputados, a vereadora apoiou os irmãos Fábio e Maísa Mitidieri (PSD), que também foram os candidatos apoiados pelo prefeito Jeferson Santana.
Eleito com apoio das igrejas evangélicas, Ermerson Porto, atualmente preside o segmento da juventude no diretório estadual do PSC. Muito ligado ao ex-deputado federal André Moura (PSC), Ermerson, que está em seu primeiro mandato de vereador, foi candidato a deputado estadual no último pleito, obtendo 1.688 votos no estado, sendo 573 em seu domicílio eleitoral, Maruim.

A presidente da Câmara, Maria Angélica de Jesus, é a primeira mulher a assumir a cadeira de gestora do Poder Legislativo Municipal. Em seu terceiro mandato, sendo em dois processos a mais votada, atua como aliada do atual prefeito e tem uma antiga aliança política com a família Mitidieri, quando apoiou Luís Mitidieri para deputado estadual e no último pleito, os filhos Maísa e Fábio.

O atual vice-prefeito, Simião Lemos, o Simizinho (PSB), não confirma oficialmente sua pré-candidatura. “Gosto de chegar ao final do primeiro tempo, ainda não decidi, mas não descarto a hipótese”, afirmou. Simizinho tem aliança política com o deputado estadual Luciano Pimentel (PSB) e com os Valadares, pai e filho. Simião Lemos já foi candidato a prefeito em outros dois processos eleitorais.

O ex-prefeito de Maruim, Gilberto Maynart, garantiu que é pré-candidato ao cargo de prefeito. Afirmou que está sem partido e que vai decidir em outro momento a sua filiação. Assim como o grupo do atual prefeito, Jeferson Santana, Gilberto também apoiou o governador Belivaldo Chagas no último pleito. Outro ex-prefeito, que garantiu em uma rede social e confirmou a reportagem a sua pré-candidatura, Murilo Mota, disse que vai atender o apelo dos amigos. Destacou que decidiu por colocar seu nome devido a sua experiência administrativa. Murilo foi prefeito de Maruim, vice-prefeito e vereador em uma época, que o edil não recebia salário. Filiado ao PSD, disse que vai decidir sobre sua filiação no próximo ano. O ex-prefeito de Maruim, o médico e servidor público, Evenor Sena, também é pré-candidato. Casado com a ex-prefeita de Maruim, Ednalva Nascimento, Dona Nalvinha, Evenor ainda não apresentou uma definição em relação ao partido.
Dois ex-vereadores também estão na disputa, Silvano Corrêa (SDD), que foi vereador em três mandatos e no último pleito foi candidato a vice-prefeito em uma chapa encabeçada pelo ex-vereador Chile Rêgo (PV), é aliado do deputado federal Láercio Oliveira (PP). Entrou no Solidariedade junto com o deputado e deve migrar para a nova sigla. Chile Rêgo, que também foi vereador, foi candidato a prefeito no último pleito pelo PV. Tem aliança política com o deputado estadual Ibrain Monteiro (PSC) e deve disputar novamente o pleito eleitoral como pré-candidato a prefeito de Maruim.

O atual secretário municipal de Meio Ambiente, Diego Cardoso, que também é sobrinho do ex-prefeito Evenor Sena, tem interesse na disputa. Filiado ao PRB do Pastor Jony, já foi candidato ao cargo de vereador e pretende disputar a prefeitura pela primeira vez. Outro estreante na disputa pelo cargo majoritário, Edinaldo Costa, o Guil Costa, foi candidato a vereador e ocupou a pasta municipal de Cultura. “Embora não esteja oficializada a nossa filiação por conta que o partido ainda está em organização nos municípios, sou pré-candidato a prefeito pelo Cidadania, que tem como presidente o senador Alessandro Vieira.
Oficialmente, o prefeito de Maruim, Jeferson Santana, ainda não confirma o nome do pré-candidato que vai apoiar no pleito de 2020. Jeferson está em seu terceiro mandato e não pode ser candidato, pois vem de uma reeleição.

Por Keizer Santos
Jornalista DRT/SE 2099

Nenhum comentário:

Deixe o seu comentário!

Tecnologia do Blogger.