Últimas Notícias
recent

Operação PC27: 25 adultos presos e um adolescente apreendido até o momento em Sergipe

Na manhã desta quarta-feira (24), as Polícias Civis das 27 unidades federativas saíram às ruas para cumprimento de centenas de mandados de prisão. A operação nacional, batizada de PC27, tem como objetivo retirar de circulação foragidos da Justiça, que cometeram crimes graves como roubo, homicídio, estupro, participação em crime organizado, entre outros.

Em Sergipe, a Polícia Civil deflagrou a operação na capital e interior do estado. Até 11h, 25 adultos já haviam sido presos pelos crimes de homicídio, estupro de vulnerável, roubo, receptação, tráfico de drogas, entre em outros delitos. Um adolescente também foi apreendido. "Aqui em Sergipe 315 policiais estão atuando no cumprimento desses mandados de prisão e a nossa Inteligência está há um mês levantando as informações para deflagrar a operação do dia de hoje. Até o momento, nessa primeira parcial, estamos muitos satisfeitos com o desempenho dos nossos policiais civis", destacou a delegada geral da Polícia Civil, Katarina Feitoza, que também é membro integrante do Conselho Nacional de Chefes de Polícia.

A Operação PC27, que é uma referência à união e padronização de todas as Polícias Civis do país, é coordenada pelo Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil (CNCP) e tem como objetivo o combate aos mais diversos delitos que assolam a sociedade brasileira, contribuindo para a diminuição da criminalidade.

"Essa é uma operação pensada pelo CNCP com o intuito de trazer a tão sonhada sensação de segurança, quanto mais policiais na rua, quanto mais nós conseguirmos cumprir os mandados de prisão, essa sensação de segurança chega para a população porque ela está vendo a lei ser cumprida. Isso gera uma satisfação positiva para as pessoas, porque elas vêem justiça", pontuou a delegada geral da Polícia Civil.

Mais de 600 prisões no Brasil - Mais de 600 prisões foram realizadas em todo o Brasil somente nesta manhã e as ações seguem ao longo da tarde. Os mandados de prisão foram expedidos pelo Judiciário após intenso trabalho investigativo das Polícias Civis.

Fonte: SSP/SE

Nenhum comentário:

Deixe o seu comentário!

Tecnologia do Blogger.