COLUNA DESTAQUE

Polícia Civil apresenta na segunda-feira suspeito de matar professor Gilvã Cardoso

Professor Gilvã Cardoso (Foto: Arquivo Pessoal)
A Polícia Civil apresenta às 8h30 de segunda-feira, 30, na sala de imprensa Radialista Júlio César na Secretaria de Segurança Pública, os detalhes da investigação que prendeu na cidade Iturama, Minas Gerais, a 750 km de Belo Horizonte, o foragido da Justiça de Sergipe, Jenilton dos Santos Costa, suspeito de praticar um homicídio em dezembro do ano passado e de matar com golpes de martelo na cabeça um professor da cidade de Maruim em janeiro deste ano.

O caso

O professor Gilvã Cardoso Santos, 49 anos, foi assassinado no dia 24 de janeiro de 2016. O corpo foi encontrado por um sobrinho, que foi visitá-lo. Segundo relatos da Polícia Militar, um martelo com manchas de sangue foi encontrado no local da ocorrência.
Um veículo e o circuito de segurança interna foram levados da casa da vítima. 
O caso comoveu a população de Maruim, que velou o corpo do professor no Gabinete de Leitura.

Com informações da SSP

Nenhum comentário

Deixe o seu comentário!

Tecnologia do Blogger.