Banco do Nordeste financia R$ 5,7 milhões para mineradora em Sergipe

(Foto: ASN)
Sergipe receberá este ano uma indústria de mineração com investimentos de cerca de R$ 8,1 milhões. A Jundu Nordeste Mineração será implantada no município de Estância, com apoio do Banco do Nordeste, que financiou R$ 5,1 milhões, por meio do programa FNE Indústria. Segundo informações da mineradora, o funcionamento está previsto para ser iniciado no mês de junho.
O valor financiado permitirá a aquisição de máquinas e equipamentos nacionais, veículos, construção civil, bem como capital de giro. "Por atuar num segmento de mercado importante e específico de minerais não metálicos, a empresa terá sucesso no âmbito industrial e social, por ser uma empresa consolidada no mercado nacional e com know how de várias décadas, gerando emprego e renda para região", explica o gerente de negócios da agência Aracaju-Centro, Hugo Michel Vieira.
O diretor de marketing da Jundu Mineração, Edson Gomiero, explica que a empresa busca contribuir com o desenvolvimento das regiões onde opera, utilizando-se de mão-de-obra local, bem como contratando empresas de manutenção e serviços industriais locais. "Dentro desta filosofia, o Banco do Nordeste foi a escolha natural. A longa experiência da instituição em negócios e a oferta de funding [financiamento a longo prazo] em adequadas e convenientes condições para projetos de longa maturação levou naturalmente o Banco do Nordeste a ser a primeira escolha da Jundu", explica o diretor.
O estado de Sergipe dispõe de abundantes recursos minerais, já devidamente mapeados pelos órgãos governamentais. Segundo a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia,  são cerca de 196 ocorrências minerais distribuídas em 54 dos 75 municípios. "Nesse ambiente favorável que a Jundu se instalará e fará integração produtiva horizontal com outra que também financiamos no setor de vidros. Tive a oportunidade de ter participado da atração quando estava no Governo do Estado e agora a satisfação de financiarmos na perspectiva de geração de emprego e renda" ressalta o superintendente do Banco do Nordeste em Sergipe, Saumíneo Nascimento.

Perfil da mineradora

A Jundu Nordeste Mineração compra e beneficia minérios, visando à produção e a comercialização de minerais industriais não metálicos e tem como principal acionista a Jundu Mineração LTDA, empresa paulista com mais de 50 anos de experiência na  lavra, tratamento e industrialização de minerais em larga escala. É pioneira no Brasil em extração de areia industrial em minas não localizadas em ambiente de praia ou leito de rio.
Produz e comercializa areia quartzosa industrial, areias resinadas, sílica moída, calcário calcítico e dolomita. Seus produtos atendem aos mercados de fundição, vidro, cerâmico, abrasivos, filtros, campos esportivos, produtos químicos, operações de faturamento em poços de petróleo, entre outros.

Por Ascom/BNB
Share on Google Plus

About Redação

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário!