Após o período de inscrições de chapas para a disputa do comando do Diretório do Partido dos Trabalhadores (PT), em Maruim, encerrado no dia 11 deste mês, apenas duas candidaturas foram registradas.
A chapa da situação, denominada “O Partido que muda Maruim”, é liderada pelo atual presidente do diretório municipal e secretário de Cultura e Turismo de Maruim, Gilton Rezende. A sindicalista e ex-secretária de Educação do município, Lídia Rosa, lidera a chapa de oposição, denominada “Militância presente, Partido Forte”.
Gilton Rezende tem o apoio do deputado federal, Márcio Macedo. Sua chapa nasceu da união das tendências “Construindo um Novo Brasil (CNB)” e do “Movimento PT”. A tendência “Movimento PT”, em Maruim, é representada pelo casal militante, Joaquim dos Santos e pela professora Maria Eunice. A candidata, Lídia Rosa, da tendência “PT Classista” tem o apoio do deputado federal Rogério Carvalho, que utiliza, no plano estadual, a mesma denominação de sua chapa.
“Esta é a primeira vez que o PT, em todo o Brasil, vai disponibilizar cotas geracionais, étnicas e de paridade de gênero na formação das chapas”, afirmou Linei Pereira, presidente da comissão eleitoral do PED em Maruim. “São cerca de 370 filiados aptos a votar, desde que estejam quites com as obrigações financeiras; possua filiação, no mínimo, um ano antes do pleito; ou tenha sido recém-filiado (a), com curso de formação política”, acrescentou a presidente.
A duração do mandato de presidente, a partir deste processo, será de quatro anos.
O Processo de Eleições Diretas (PED) 2013 terá seu ponto alto no dia 10 de novembro, das 9 às 17h, quando ocorre a votação em todo Brasil.


Por Redação

0 Comentários