O prefeito Jeferson Santos Santana atualizou as medidas preventivas ao coronavírus (COVID-19) na feira livre de Maruim, através do Decreto nº 05/2020, publicado no Diário Oficial do Município. As medidas complementam ações já adotadas no Decreto nº 04/2020, que estabelece estado de emergência na saúde pública municipal fundamentado na Lei federal nº 13.979/20 e nas portarias nº 188/2020 e nº 36/2020 do Ministério da Saúde. No decreto complementar, fica estabelecido, que na feira livre municipal, apenas produtos de gênero alimentício, exceto lanches, poderão ser comercializados.

O artigo 1º especifica que só podem ser comercializados alimentos perecíveis, laticínios e derivados, carnes, peixes, frangos, feijão, arroz, farinha, verduras, legumes, frutas, hortaliças e condimentos. No artigo 2º do decreto, detalha que a proibição de comercialização se estende aos lanches, roupas, artesanatos, eletrônicos e utensílios em geral. Não será permitida a instalação de bancas com produtos, que a comercialização esteja proibida.

Na feira livre municipal, o ponto principal acontece no sábado, porém na sexta-feira alguns produtos começam a ser comercializados. No novo decreto, a feira continua nestes dias, porém, no sábado, o horário de funcionamento foi reduzido até às 10h. Outra medida que consta no decreto, que os vendedores devem comercializar seus produtos munidos de máscaras e luvas.

Os efeitos do decreto terão validade enquanto durar a declaração de estado de emergência internacional pelo coronavírus nos termos da Lei Federal nº 13.979/20.

O coronavírus (COVID-19)

Segundo o Ministério da Saúde, o coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em 31 de dezembro de 2019 após casos registrados na China. Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

Ainda de acordo com o Ministério da Saúde, algumas ações são importantes como formas de prevenção: lavar as mãos com água e sabão ou use álcool em gel; cobrir o nariz e boca ao espirrar ou tossir; evitar aglomerações se estiver doente; manter-se ambientes bem ventilados e não compartilhar objetos pessoais.

Se alguma pessoa sentir os principais sintomas do coronavírus, apontados pelo Ministério da Saúde, como tosse, febre e dificuldade para respirar; deve ligar para o Hospital de Maruim através do número (79) 3275-2316 e solicitar ajuda para que os procedimentos sejam executados pela equipe de saúde. A Secretaria de Estado da Saúde disponibiliza um número para sanar dúvidas através de mensagens via aplicativo whatsapp (79) 98877-8489, das 07h às 17h.

Fonte: Prefeitura de Maruim

0 Comentários