Maruinense Hildegards Azevedo faleceu aos 82 anos

Faleceu na manhã desta sexta-feira (11), aos 82 anos, o conselheiro aposentado do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE), Hildegards Azevedo, devido a complicações decorrentes de uma neoplasia pulmonar. O velório ocorrerá no Cemitério Colina da Saudade, em Aracaju, no turno da tarde, com sepultamento previsto para às 17h, no mesmo local. 

Filho de Raul José dos Santos e Lindaura Azevedo Santos, Hildegards Azevedo nasceu em Maruim/SE no dia 22 de outubro de 1936.

Formado em Ciências Jurídicas e Sociais, pela Universidade Federal de Sergipe, Hildegards Azevedo foi funcionário público como fiscal de renda de 1965 a 1986. Também atuou como secretário de finanças do município de Aracaju, na administração do prefeito João Alves Filho (1975-1979), presidente da Companhia de Processamento de Dados de Sergipe (1979-1980), presidente da Empresa Gráfica Universitária (Unigráfica) (1980-1982), secretário de Estado de Governo (1983-1984), secretário-chefe do gabinete civil (1984-1985) e secretário de Estado da Fazenda (1985-1986). Em 21 de novembro de 1986, Hildegards foi nomeado conselheiro do TCE, ocupando vaga deixada pelo conselheiro Carlos Alberto Barros Sampaio, um dos membros fundadores do órgão. Na Corte, antes de aposentar-se, em 12 de dezembro de 2006, ocupou as funções de corregedor-geral, vice-presidente e presidente.


Na área do magistério, Hildegards Azevedo foi professor da disciplina Administração Brasileira, na Faculdade Tiradentes no período de 1976 a 1982. Aprovado em concurso público, lecionou na Universidade Federal de Sergipe no período de 1983 a 1985, one lecionou a disciplina Direito Administrativo. 

No município de Maruim existe um conjunto que recebe o nome do ilustre filho. Hildegards era tio do ex-vereador Jodil (Joca) e do atual vereador por Maruim, Moisés Azevedo (PT do B).

O conselheiro-presidente do TCE/SE, Ulices Andrade, manifestou condolências aos familiares e destacou a atuação do conselheiro Hildegards como "um profissional competente e dedicado que muito contribuiu para o controle externo brasileiro".


O prefeito de Maruim, Jeferson Santana, decretou luto oficial de três dias em respeito ao grande trabalho do ilustre maruinense.

Fonte: Prefeitura de Maruim

Redação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário!

Instagram