Últimas Notícias
recent

Taxa de crimes contra o patrimônio apresenta redução em Maruim

O relatório das ações do Projeto Sergipe Mais Seguro, apresentado neste mês pela Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), apontou uma redução de 32,8% da taxa de crimes contra o patrimônio no município de Maruim. O índice levou em conta dados estatísticos corporativos registrados de janeiro a abril deste ano.
A redução da taxa leva em consideração os dados apresentados no mesmo período em 2013. Os crimes contra o patrimônio, presentes no Código Penal Brasileiro, podem ser roubo, extorsão, furto, usurpação, dano, apropriação indébita, estelionato e receptação.
Essa redução tem influência direta após a adoção de estratégias que foram definidas em reunião no mês de março na sede da Prefeitura de Maruim e na Câmara de Vereadores, quando na oportunidade os índices de violência teriam aumentado. Nos dois encontros, o prefeito de Maruim, Jeferson Santana, o capitão da 3ª Companhia do 2º Batalhão de Polícia Militar, Jorge Cirilo, a delegada de Polícia de Maruim, Ana Paula Moreira, o chefe da Guarda Municipal de Vereadores, Valfrides Viana, e os vereadores discutiram sobre as possíveis ações para combater os delitos no município.
Algumas soluções foram apresentadas e desempenhadas como a implantação da “operação mosaico”, que deslocou veículos de cidades vizinhas para o município em algumas ocasiões, o que proporcionou um maior número de efetivo em alguns momentos, e o aumento de abordagens e da realização de blitz para evitar a circulação de possíveis infratores.
“Com ações estratégicas auxiliamos o trabalho da Polícia Militar. Quando todos participam conseguimos obter resultados satisfatórios”, concluiu o chefe da Guarda Municipal, Valfrides Viana.
Na oportunidade o capitão Jorge Cirilo havia destacado a participação da população através do disque denúncia pelo telefone 181, que de forma anônima pode exercer o seu papel de cidadão.


Por Assessoria de Comunicação

Nenhum comentário:

Deixe o seu comentário!

Tecnologia do Blogger.