Nesta quinta-feira, 1º de maio, foram iniciadas as festividades em comemoração aos 160 anos de Emancipação Política de Maruim.
Logo cedo foi realizado o segundo café cultural, no clube municipal, que além de contar com uma variedade de comidas típicas, também foi palco de algumas manifestações folclóricas como a chegança do Educandário Imaculada Conceição, a roda de coco dos alunos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) e a literatura de cordel com Pedro Amaro e Ronaldo Dória. Em seguida, o cantor João Luís fez uma grande apresentação, que resgatou várias músicas da MPB, através das cordas do seu violão.
À noite, a programação sofreu um atraso em virtude das fortes chuvas. Segundo o secretário municipal de Cultura e Turismo, Gilton Rezende, a chuva dificultou a instalação de barracas para a venda de artesanato e impossibilitou a apresentação de mais um artista. “Mesmo nos programando, é impossível lidar com as questões naturais, mas o brilho da festa continua forte com as manifestações folclóricas desta noite”, destacou.
Na Praça Barão de Maruim o Batalhão das Flores, representado pelos idosos do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Maruim. Em seguida, três grupos de dança animaram o público: Companhia 3D, alunos do SCFV e as atrevidas. Outra atração, oriunda de Japaratuba, o grupo de teatro Rebiboka da Parafuseta, trouxe o espetáculo “Um Deus... Duas mulheres e a cobra solta no paraíso!”. A festa terminou com a apresentação da banda de pagode Swing 3D.
Neste sábado, 2, a partir das 18h30, a programação reserva uma noite especial para o louvor gospel com shows de Paulo Figueiredo, Laiz Peradeles, Pr. Márcio Peixoto e Gisele Nascimento.


Por Assessoria de Comunicação












0 Comentários