COLUNA DESTAQUE

Pe. Francisco assume Paróquia Sagrado Coração de Jesus, em Laranjeiras

As chaves da paróquia Sagrado Coração Jesus, cujas portas foram abertas em 1835, há 183 anos, na cidade de Laranjeiras, estão agora sob os cuidados do padre Francisco de Assis Souza. Ele foi empossado como novo pároco, nesta quarta-feira, 7, em solene celebração eucarística presidida pelo arcebispo metropolitano, Dom João José Costa, e concelebrada por vários sacerdotes e seminaristas. A participação de grande número de fiéis foi uma clara demonstração do sentimento de alegria dos laranjeirenses pela chegada do novo pastor.

O padre Francisco de Assis, de 43 anos de idade, celebrou 18 anos de ordenação presbiteral no dia 25 de janeiro. Antes de assumir seu novo ofício, serviu como pároco da paróquia Imaculada Conceição e São Lucas, em Itabaiana, durante nove anos. Em Laranjeiras, ele está sucedendo ao padre Renato Gomes de Lima. A paróquia Sagrado Coração de Jesus, uma das mais antigas da Arquidiocese de Aracaju, possui nove comunidades, com históricos e incontáveis desafios.

“Em comunhão com o novo pároco, e com um olhar fixo em Jesus, essa parcela do povo de Deus haverá de colher frutos extraordinários”, disse Dom João, na homilia. Fazendo uma alusão ao Ano do Laicato, o arcebispo enfatizou que os leigos e leigas são chamados a ser sal da terra e luz do mundo. “Diante de tantas injustiças, os filhos da Igreja, e seguidores de Jesus Cristo, devem ser testemunhas de um tempo novo em que o Evangelho vivido seja um sinal de esperança cristã para a sociedade”, complementou o prelado. Ele também fez um agradecimento ao padre Renato Gomes pelo fecundo pastoreio realizado em Laranjeiras.

Em suas palavras de agradecimento, o padre Francisco atribuiu à providência divina a graça de assumir uma comunidade paroquial dedicada ao Sagrado Coração de Jesus, de quem é devoto e a quem consagrou o seu ministério sacerdotal. “Esperem do novo pároco o esforço cotidiano para testemunhar Jesus Cristo, caminho, verdade e vida”, afirmou. Dirigindo-se ainda aos paroquianos, ele salientou que com a oração, a colaboração e o respeito de todos, “haveremos de construir uma história muito bonita em Laranjeiras”.

Concelebraram a santa missa de posse os padres Marcos Rogério (Vigário Episcopal/São Lucas), Eugênio dos Santos (Vigário Episcopal/São Marcos), Nilton César (Vigário forâneo), Helelon Bezerra dos Anjos (Vigário Forâneo), Adeilson Almeida, Paulo Moura, Renato Gomes de Lima, Rodrigo Maia e Cleberton Lima. A cerimônia também foi enriquecida com a presença dos prefeitos de Laranjeiras e Itabaiana, parlamentares e grande número de fieis da paróquia Imaculada Conceição e São Lucas. Walmir de Francisquinho, prefeito de Itabaiana, fez uso da palavra para enaltecer o trabalho que o padre Francisco desenvolveu pelo povo de Deus em seu município.

Construída em 1791, a igreja Matriz de Laranjeiras foi o primeiro templo dedicado ao Sagrado Coração de Jesus, na América Latina. Essa é a razão pela qual a cidade recebeu o título de “filha primogênita do Coração de Jesus”. O Apostolado de Oração, em Laranjeiras, relata que, no século XVIII, ao tomar conhecimento das aparições à santa Margarida Maria Alacoque, na França, o padre Bonuncci, em missão no Brasil, ergueu uma capela onde se passou a venerar a imagem devotamente chamada de “Primitivo Coração de Jesus”. Outros belos diferenciais do templo são as suas pinturas e órgão de tubos, um dos quatro ainda existentes no Brasil.

Fonte: Arquidiocese de Aracaju

Nenhum comentário

Deixe o seu comentário!

Tecnologia do Blogger.